blue

Então parece q havia um ser humano por de trás daquela carapaça.
Havia alguém lá dentro... Ele ficava escondido, como sempre esteve, e talvez como ficará por qto existir...
Ele saiu, mostrou sua cara, mostrou q estava vivo, mas isso criou um odio dentro dele, parece q um demonio se libertou. E se parecida frio antes, não imagina-se agora.
Agora se trancou novamente, e se escondeu mais fundo para q ninguém o ache e dela não irá mais querer sair.
Qdo estava começando a confiar em alguém, esse alguém o apunhalou. Sentiu-se traido. Sentimento o qual só não condena mais q a mentira.
Ele vive dentro de uma árvore, grande, grossa, e dentro dela ele cavou sua casa q agora encontra-se mais profundo de dificil de ser encontrada.
Seu futuro é incerto. Só se sabe q está mais forte.
"O que não me mata, me fortalece."
Seu mundo foi abalado. Tem duvida de td a seu redor.
Ele é amado por muitos, mas amor por si só não diz nada, pois amor pode virar ódio. Alguém pode causar mau a outra pessoa por amor. Amor é um sentimento perigoso e pode ter sentido reverso, e ao invés de fazer o bem fazer o mau.
Apesar disse, ainda há pessoas q ele ama e o amam e q ele sabe q com elas sempre poderá contar, pois elas nunca o decepcionaram, nunca o deixaram na mão, sempre estiveram lá qdo ele precisou.
A maior parte do tempo ele vive em seu próprio mundo, o qual criou e usa para se refugir. Pois o mundo lá fora não é nada bonito, não é nada legal. Criaturas q matam, destroem, corroem.
Em seu mundo de fantasias ele é feliz.
Ele sempre se considerou uma pessoa muito feliz. Ele tem uma capacidade incrivel de guardar os sentimentos ruins onde não irão incomoda-lo e lá percererão para sempre.
Assim ele faz a felicidade, pois onde não há nada de ruim, só algo de bom pode haver.
Não mais é q um anjo q cansou de sofrer, e agora se esconde atrás da aparencia de um gnomo e vive em sua árvore, em um lugar bem profundo, intocável onde poderá ser feliz para sempre.
Não há mais nada no universo, somente ele e seu mundo.
Por sua sorte, ele consegue ser feliz sozinho.

Comentários

Postagens mais visitadas